Chapecó | 21.10.2021 | 16h16 Economia

Preço da gasolina já atinge R$ 7,49 no Rio Grande do Sul

A gasolina mais cara no Brasil pode ser encontrada no município de Bagé, no estado do Rio Grande do Sul. De acordo com levantamento semanal da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), os motoristas da cidade pagam, em média, R$ 7,36 o litro. Dois postos de gasolina no município, porém, registraram um preço ainda maior — R$ 7,49 —, ambos nos bairros de Getúlio Vargas e São Judas.

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP

No intervalo de uma semana, o preço médio do combustível no Brasil sofreu uma alta de 3,3%. Na amostra anterior, colhida entre os dias 3 e 9 de outubro, a cotação era de R$ 6,117 o litro. Já no período entre 10 e 16 de outubro, o levantamento feito pela ANP atestou um valor médio de R$ 6,32 — de um total de 4.736 postos nos 26 estados e no Distrito Federal.

Embora o preço mais alto esteja no Rio Grande do Sul, o maior valor médio da gasolina é encontrado no Piauí, em que os motoristas pagam R$ 6,936 por litro. Em segundo, está o Rio Grande do Norte (R$ 6,853), seguido de Rio de Janeiro (R$ 6,785), Goiás (R$ 6,753) e Acre (R$ 6,664). O Amapá ficou com o valor mínimo na lista: R$ 5,54.

Na amostragem por capitais, o Rio de Janeiro é a cidade que atinge o valor mais alto: R$ 7,099, em um posto no bairro da Pavuna, na zona norte. Já em termos relativos, Teresina possui o preço médio de combustível mais caro (R$ 6,934), à frente de Natal, com R$ 6,88, e Goiânia (R$ 6,83). A capital com a menor cotação é Macapá (R$ 5,83).

Preço do etanol sobe 0,92%
Não apenas o preço da gasolina subiu como também o etanol hidratado. Em sete dias, o preço médio do litro no Brasil pulou para 0,92%, indo de R$ 4,78 no intervalo entre 3 e 9 de outubro para R$ 4,82 na semana pesquisada.

Em São Paulo, principal estado produtor e consumidor, o valor médio do etanol ficou em R$ 4,63 — o segundo estado da União com o menor preço, perdendo apenas para o Mato Grosso do Sul (R$ 4,59). O maior preço médio estadual foi registrado no Rio Grande do Sul (R$ 6,277), seguido de Amapá (R$ 5,85), Pará (R$ 5,771) e Acre (R$ 5,759).

SIGA O PORTAL ACONTECEU NO INSTAGRAM

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO TELEGRAM

Fonte: Olhar Digital