Campo Erê | 30.12.2021 | 15h15 Polícia

Mulher que dopou e asfixiou homem na região Oeste é presa

No início da tarde desta quinta-feira (30), a Polícia Civil prendeu uma mulher de 45 anos suspeita pelo crime de homicídio ocorrido em 01 de dezembro na linha Área Nova, no interior de Campo Erê.

A vítima foi um homem de 52 anos de idade.

Após tomar conhecimento do fato, a Polícia Civil passou a desempenhar sua missão constitucional: apuração da infração penal e da sua autoria, ocasião na qual foi dado início a diligências que resultaram na elucidação do crime cometido.

Entenda o caso
Na noite de 1⁰ de dezembro, o proprietário de uma funerária situada em Campo Erê acionou a Polícia Civil para informar que havia constatado sinais de morte violenta em um cadáver que estava sendo preparado para o velório.

No corpo, encaminhado pelo hospital com diagnóstico de morte por infarto, foram constatadas lesões típicas de morte por asfixia. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) onde se aferiu que a causa da morte foi asfixia mediante estrangulamento.

Após inúmeras diligências tendentes a angariar provas com a finalidade de esclarecer a autoria e circunstâncias da morte, a Polícia Civil desvelou que a vítima, um homem de 52 anos de idade, foi “dopado” com uso de substância utilizada como anestésico em animais (adquirida em casa agropecuária) e posteriormente foi estrangulado sem que pudesse apresentar resistência.

Diante do trabalho investigativo houve representação pela prisão preventiva, sendo que no início da tarde desta quinta-feira (30), a então suspeita do crime foi presa e confessou a prática do crime.

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP

SIGA O PORTAL ACONTECEU NO INSTAGRAM

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO TELEGRAM

Fonte: Portal Aconteceu, com informações Polícia Civil