Chapecó | 26.03.2021 | 19h19 Geral

Confira vantagens e dicas para adotar animais adultos

Muitas pessoas decidiram adotar animais filhotes como novos membros das famílias, mas muitos pets adultos passam longos anos na espera de um lar. A coordenadora de conteúdo da Petlove, Jade Petronilho, fomenta a adoção de animais adultos e traz dicas importantes para quem deseja adotar um pet de maior idade.

Animais com essa característica são ideais para quem procura por pets menos agitados, uma vez que já “descobriram o mundo” e por isso tendem a se meter em menos confusão.

Outro benefício da adoção tardia é que o adotante já conhece o porte escolhido e por isso não terá surpresas e, de acordo com pesquisa do Instituto Pet Brasil, o número de pets que vivem em instituições e ONGs é de aproximadamente de 172 mil.

“Hoje em dia, algumas pessoas, assim como eu, fazem um trabalho específico para entender o tipo de pet que cabe melhor para cada família, levando em consideração diversos fatores a fim de fazer com que o animal e quem o adotou sejam felizes com essa mudança de vida”, enfatiza a coordenadora de conteúdo.

Após a decisão de adoção, o período de adaptação de um animal com maior vivência – e muitas vezes com alguns hábitos e traumas já firmados – é de extrema importância para o relacionamento entre ele e sua nova família.

“Precisamos respeitar os medos e traumas que os animais possam ter, especialmente os que passaram por situações mais complicadas que na maioria das vezes não é de conhecimento da ONG e/ ou do adotante”, explica Jade.

Para adaptar o animal à nova casa e criar um bom relacionamento, é preciso demonstrar afeto e passar segurança. As adaptações e a forma de conduzi-las dependem muito do temperamento do pet, da rotina da casa, se possuem outros animais ou não e, claro, de qual espécie estamos falando.

“Na dúvida, o ideal é que todo o processo seja acompanhado por um zootecnista, biólogo, médico veterinário comportamentalista ou outro profissional experiente e qualificado para essa tarefa” recomenda a profissional.

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP

SIGA O PORTAL ACONTECEU NO INSTAGRAM

PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO TELEGRAM

Fonte: R7.COM