Chapecó | 01.12.2016 | 10h34 Geral

Velório coletivo na Arena Condá terá momento exclusivo para familiares

O velório coletivo das vítimas do acidente com o avião que levava a delegação da Chapecoense tem previsão de início no começo da tarde desta sexta-feira, com a possibilidade de atrasos. Até agora, 51 famílias confirmaram que seus entes serão velados no estádio. De acordo com Andrei Copetti, gerente da Chapecoense, ficou definido que os caixões ficarão posicionados na Ala Sul do gramado, onde já foi iniciada a instalação de uma estrutura com tablados de madeira e cobertura.

Assim que o avião com os corpos chegar na cidade de Chapecó, a estimativa é que leve duas horas para chegar na Arena Condá. O transporte será feito por caminhões do Corpo de Bombeiros.

Os primeiros 45 minutos do velório coletivo serão exclusivos para os familiares das vítimas, que ficarão no gramado próximo aos caixões. Após isto, o estádio será aberto ao público, que não terá acesso ao gramado, somente as arquibancadas.

São esperados 100 mil torcedores ao longo do velório, porém como a capacidade da Arena Condá é de apenas 20 mil pessoas, telões serão espalhados pela cidade de Chapecó em locais ainda não definidos.

Isabel Machado, gerente de comunicação da Aurora Alimentos, patrocinadora da Chapecoense, está em Chapecó para prestar apoio aos familiares das vítimas e também dando suporte na montagem e logística do velório. A empresa também está organizando uma homenagem.

Fonte: DIÁRIO CATARINENSE