Chapecó | 15.09.2019 | 18h29 Esportes

Vasco supera Chapecoense fora de casa e se reabilita no Brasileirão

O Vasco conseguiu a reabilitação no Campeonato Brasileiro ao vencer a Chapecoense, por 2 a 1, neste sábado à noite, na Arena Condá, pela 19ª rodada. Uma vitória que apaga a má imagem deixada nas derrotas para o Cruzeiro, por 1 a 0, em Belo Horizonte, e depois em São Januário para o Bahia por 2 a 0.

O time carioca atinge os 23 pontos, em figura agora no 13º lugar. A Chapecoense continua com 14 pontos, na vice-lanterna, e promete apresentar um novo técnico na segunda-feira. A equipe vem sendo comandada por Emerson Cris, que vinha atuando como interino desde a saída de Enderson Moreira.

O jogo na Arena Condá começou com os dois times dando ênfase à marcação. Com cinco mudanças promovidas pelo técnico Vanderlei Luxemburgo, o Vasco tinha mais volume de jogo e parecia controlar bem o adversário. Mas as chances de finalização foram raras. A primeira delas, num chute de Ribamar, foi bem defendido por Tiepo.

O Vasco só voltou a ameaçar aos 38 minutos, num chute de Talles Magno, que fez bonita jogada ao driblar dois adversários na ginga de corpo. Mas a bola saiu fraca e morreu nos braços de Tiepo. A Chapecoense só ameaçou aos 45 minutos, quando Augusto entrou na área pela direita e chutou mesmo sem ângulo. Fernando Miguel fez a defesa de segurança, mandando para escanteio.

No minuto seguinte saiu o gol vascaíno, só confirmado pelo VAR depois de ser anulado pelo auxiliar Alexandre Ribeiro. O bandeira anotou impedimento no lançamento de Raul para o atacante, que desceu em velocidade e com muita categoria tocou por cobertura na saída de Tiepo, aos 46 minutos. Dois minutos depois, o VAR confirmou a legitimidade do gol, num lance difícil de ser definido, mas as imagens mostraram que Ribamar estava na mesma linha que Elicarlos.

O time catarinense voltou para o segundo tempo com Arthur Gomes no lugar de Aylon. Aos 11 minutos, machucado, Ribamar deixou o campo para a entrada de Marrony. De outro lado, o técnico Emerson Cris tentou colocar seu time na frente com as entradas de Vini Locatelli e Régis. A Chapecoense não melhorou muito, mas chegou ao empate aos 27 minutos. Do lado direito do ataque, Vini Locatelli fez o levantamento na pequena área e Arthur Gomes cabeceou forte e no alto. A bola ainda tocou nas mãos de Fernando Miguel.

Mas o Vasco reagiu rapidamente, dois minutos depois. O garoto Talles Magno fez jogada individual, passando em diagonal por três adversários. Mesmo desequilibrado ele chutou no canto direito de Tiepo, fazendo 2 a 1. A partir daí, o Vasco se retraiu para garantir a vitória.

Na abertura do returno, a Chapecoense vai enfrentar o Internacional no domingo, dia 22, às 11 horas no Beira-Rio, em Porto Alegre (RS). No mesmo dia, mas às 16 horas, o Vasco recebe o Athletico-PR, em São Januário.

Fonte: LANCE!