Maraú | 14.11.2019 | 19h34 Geral

Uma pessoa morre e nove ficam feridas em queda de avião na Bahia

Um avião bimotor Cessna 550 pertencente ao banqueiro José João Abdalla Filho, o Juca Abdalla, sofreu um acidente na tarde desta quinta-feira (14), quando tentava pousar na pista de um resort localizado na praia de Barra Grande, em Maraú, no sul da Bahia.

Segundo a prefeitura de Maraú, a aeronave pegou fogo – ainda não se sabe se devido a algum problema que pode ter causado a queda ou se em função do choque com o solo, ocorrido por volta das 14 horas. Uma passageira morreu e outros nove ficaram feridos, alguns em estado grave. Levados para o posto de saúde de Barra Grande, as vítimas do acidente aguardam para ser transferidos para hospitais da região melhor equipados.

Dono do Banco Clássico, Juca Abdalla é apontado como um dos homens mais ricos do Brasil. A Agência Brasil entrou em contato com o Banco Clássico, que não forneceu nenhuma informação sobre a aeronave ou sobre o paradeiro do proprietário.

De acordo com o Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB), o bimotor prefixo PT-LTJ registrado em nome de Abdalla foi fabricado em 1981, adquirido em agosto de 2015, e estava com o certificado de aeronavegabilidade em situação regular. Registrado para realizar serviços aéreos privados, não pode ser utilizado como táxi-aéreo comercial.

Fonte: AGÊNCIA BRASIL