Chapecó | 31.10.2018 | 09h16 Bombeiros

Temporal na manhã desta quarta causa diversos danos em toda região Oeste

O vento forte da manhã desta quarta-feira (31) deixou estragos em vários municípios do oeste. Na BR 282, trecho entre Maravilha e Pinhalzinho, os ouvintes da rádio Líder FM registraram que houve queda de árvore na rodovia. Os bombeiros de Pinhalzinho se deslocaram para desobstruir a via. Os bombeiros de Anchieta e Palma Sola também foram acionados cortar árvores caídas na cidade.

Em Maravilha, os bombeiros foram acionados para auxiliar na desobstrução da BR 282 devido a queda de árvores. A PRF também foi acionada. Na área urbana, houve pequenos destelhamentos e foram distribuídos 25 metros de lona.
Em São Miguel do Oeste, os bombeiros distribuíram lonas no bairro São Sebastião e Santa Rita, entre outros pontos da cidade.

Em Guaraciaba e Descanso houve o registro de raios e granizo. A rodovia SC-305, que liga Guaraciaba a Anchieta teve registro de queda de árvore nas proximidades da ponte sobre o Rio das Antas, trânsito lento, com passagem apenas de carros pequenos no local. Por volta das 08h50, o Corpo de Bombeiros já realizava a retirada da árvore e liberação da pista.

As quedas de árvores também bloquearam algumas rodovias. Conforme a Defesa Civil, a SC-155, entre Seara e Itá, no oeste catarinense, está parcialmente interditada. A mesma situação foi registrada na SC-163, entre Iporã do Oeste e Itapiranga, e na SC-386, entre Iporã do Oeste e Mondaí. Bombeiros da região atuam para liberar as rodovias.

Em São José do Cedro e Itapiranga o Corpo de Bombeiros realizou a distribuição de lonas a residências.

Em São João do Oeste um silo tombou e parte do telhado de uma empresa caiu. Várias casas foram destelhadas e houve registro de queda de árvores.

Em Cunha Porã, os bombeiros atenderam cinco ocorrências de destelhamento e distribuíram cerca de 50 metros quadrados de lona no Centro.

Um vendaval acompanhado de granizo atingiu o município de Xaxim nesta quarta-feira (31) por volta das 06h. De acordo com a Defesa Civil Estadual, em pouco mais de uma hora choveu o acumulado de 41,6 milímetros em Xaxim.

Os fortes ventos, a chuva e o granizo causaram estragos em vários pontos da cidade. De acordo com a Defesa Civil Municipal, houve registro de destelhamento, queda de árvores e galhos e alagamentos em alguns pontos do município. Desde os primeiros minutos após o registro de queda de granizo, a equipe da Defesa Civil Municipal e Assistência Social e Habitação realizam a entrega de lonas às famílias que tiveram as residências afetadas.

As ocorrências foram registradas entre 6h e 7h30 da manhã desta quarta-feira (31). Conforme o coordenador regional da Defesa Civil em Maravilha, Rogério Golin, na região não houve maiores danos.

Conforme mostra o mapa da Epagri/Ciram, a velocidade máxima do vento chegou a 67km/h em Xanxerê, 59km/h em Chapecó , 57km/h em Água Doce e 53km/h em Novo Horizonte.

A orientação é para que a população não suba em telhados para realizar consertos neste momento.

Foto: 100,5FM / WH3 / Divulgação

Fonte: WH3