Chapecó | 19.07.2019 | 14h02 Geral

Tatuador reconstrói de graça aréolas de mulheres vítimas de câncer de mama em SC

Florianópolis é a primeira cidade fora do Rio de Janeiro que o tatuador carioca Yurgan Barret escolheu para levar o projeto que desenha e tatua de graça a aréola no seio de mulheres que reconstruíram a mama.

"Toda vez que eu tatuo uma mulher e ver como ela sai feliz isso é incrível. Isso que me motiva, a felicidade dessas mulheres", disse Barret.

A aposentada Ana Lúcia Kerchof, diagnosticada com câncer nas duas mamas, perdeu uma em 2005 e a outra em 2013, e não pensou duas vezes antes de fazer a tatuagem. "Fico feliz que existem pessoas no mundo como ele", disse.

A tatuagem da aréola precisa de autorização médica e deve ser feita pelo menos seis meses depois da reconstrução da mama. O anestésico local alivia a dor para o procedimento.

A tatuagem leva uns 40 minutos pra ficar pronta, mas todo o procedimento dura um pouco mais.

"Eu sento com ela para conversar, para entender toda a história e reconstruir da melhor forma possível. Ver como elas saem daqui felizes, como acaba o procedimento todo e a felicidade dela toda, acho que isso é incrível. Então não tem muito como explicar, mas isso que me motiva", explicou o tatuador.

A Ana Lúcia afirma que é daquelas pessoas que nunca teve problemas em encarar as marcas deixadas pelo câncer. Mas que a partir de agora elas vão ter outro significado. "Agora fica uma sensação assim de: 'bom, agora acho que estou com a minha situação completa", disse Ana Lúcia.

Fonte: G1 Santa Catarina