Piraquara | 25.04.2019 | 15h08 Geral

Polícia Civil apreende cobra gigante de estimação em Piraquara

A Polícia Civil realizou nesta semana uma apreensão diferente das quais está acostumada a fazer. Em Piraquara, após denúncia, os policiais encontraram uma cobra Píton de seis metros, pesando aproximadamente 57 quilos, em cima de um armário, dentro de uma residência na região metropolitana de Curitiba.

Além do réptil, foram encontradas duas aranhas caranguejeiras no local. O responsável, um jovem de 21 anos, não tinha nenhuma documentação nem licença ambiental para manter os animais.

Quando os policiais chegaram à residência, o jovem confirmou a existência dos animais dentro da casa. Então, os agentes realizaram a apreensão. Entretanto, o animal de quase 60 quilos deu trabalho para ser resgatado. Acomodada em cima de um armário, a cobra precisou ser carregada por três homens para conseguir ser capturada dentro de uma caixa.

De acordo com o jovem, responsável pelos animais, a cobra está com ele há dez anos. Após receber a notícia, na delegacia, de que os animais seriam encaminhados a prefeitura, o homem se desesperou e ameaçou cometer suicídio.

Cobra não é venenosa

Apesar da cobra Píton não ser venenosa, o animal é carnívoro e geralmente utiliza da força para matar as presas, por estrangulamento, para depois se alimentar. A serpente é considerada perigosa e pode atacar inclusive pessoas.

Segundo a Polícia, este é o maior animal apreendido em ocorrências no estado do Paraná. O jovem foi encaminhado a delegacia, prestou depoimento, mas não foi detido. De acordo com a lei, o homem responderá pelo crime ambiental em liberdade.

Os animais foram encaminhados para o Passeio Público, em Curitiba.

Foto: DIVULGAÇÃO/POLÍCIA CIVIL

Fonte: RIC MAIS