Chapecó | 04.09.2019 | 08h42 Agronegócio

Operação Campeiro combate a caça ilegal no Oeste Catarinense

Na manhã desta quarta-feira (04), a Polícia Federal e a Polícia Militar Ambiental deflagraram a Operação Campeiro, destinada a combater a caça ilegal de animais silvestres, nativos ou em rota migratória, nas regiões oeste e meio-oeste catarinense.

Cerca de 50 policiais estão cumprindo 07 mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal, nos municípios de Concórdia, Joaçaba, Ponte Serrada e Salto Veloso.

Os investigados são suspeitos de se valerem da permissão de caça de javalis para também abaterem animais nativos, inclusive ameaçados de extinção, como o veado-campeiro.

Nos autos do inquérito policial instaurado para completa apuração dos fatos, os envolvidos poderão ser indiciados pelos crimes de caça ilegal (artigo 29 da Lei nº 9.605/98), de posse irregular de arma de fogo ou munição (art. 12 da Lei nº 10.826/2003) e de formação de associação criminosa (artigo 288 do Código Penal), além de outros delitos eventualmente identificados no curso da investigação.

Fonte: Portal Aconteceu, com informações Polícia Militar