Penha | 11.03.2019 | 12h30 Geral

Jovens encontram relógio no mar, fazem campanha e localizam o dono

Era um fim de semana, no início deste mês de março. Fernando Leite estava de folga, andando com seu jet-ski na Praia de Armação, em Penha, quando perdeu o relógio inteligente, um Apple Watch, avaliado em R$ 2 mil. Nas águas onde ele estava era fundo e ele já dava o aparelho como perdido.

Conformado com a perda e com o prejuízo, ele iria na semana seguinte comprar um novo – com a promessa de ser um pouco mais cuidadoso. Mas não precisou. Isso porque uma boa ação de dois garotos blumenauenses, Davi Gustavo Lueders, 13 anos, e Maurizio Duvia Filho, 13, fez com que ele recuperasse o relógio e mais do que isso: tivesse fé nas pessoas.

Maurizio estava brincando com irmão nas águas quando encontrou o Apple Watch no fundo do mar. Foi por acaso:

– Eu tava procurando uns caranguejinhos pra tacar no meu irmão quando encontrei. Pensei que era um chinelo e ia recolher pra jogar no lixo. Aí vi que era o relógio – relata o bem-humorado Maurizio.

O aparelho estava desligado e eles não sabiam o que fazer. É aí que surge Christian Lueders, tio de Davi, que trabalha na área de tecnologia. Ele encontrou um carregador e conseguiu ligar o relógio inteligente, que logo de cara mostrava uma foto de Fernando. Até então, é claro, eles nem sabiam quem era o barbudão da foto e o proprietário do aparelho.

Christian, então, fez um post no Facebook (confira abaixo). "Pessoal, não é frustrante quando perdemos algo e não encontramos? O colega aí da foto perdeu o Apple Watch nas águas da Praia de Armação, em Penha. Só conseguimos ligar ele hoje. Entramos em contato com a Apple através do 0800, mas não puderam nos ajudar".

– Nada mais justo do que usar a rede social para o bem, né? – disse Christian à reportagem do firSanta.

Mas eles nem precisavam dessa ajuda. Bastaram 15 minutos após a publicação do post para que um conhecido marcasse Fernando nos comentários. Rápido assim. Sem cerimônia.

– O relógio é o de menos. Fiquei feliz pelo ato dos meninos, de recolher, de procurar, de querer devolver para o dono. Isso nos dá a esperança de um mundo melhor, com a gurizada querendo agir da forma correta. Isso não tem preço – conta Fernando.

Os meninos e Fernando, então, marcaram de se encontrar para que pudessem devolver o relógio. Como recompensa à boa ação, os estudantes dos colégios Bom Jesus e Machado de Assis ganharam bolas de futebol. Um reconhecimento por aquilo que fizeram e pelo bom exemplo que deram não só aos amigos e colegas, mas ao mundo.

– Os meninos olharam para mim e disseram que estavam emocionados por eu ter levado um presentinho para eles. Pô, eles emocionados? Eu é que tenho que ficar, por conta dessa boa ação deles e esse exemplo – enaltece Fernando.

Agora, a promessa é de que os dois meninos andarão de jet-ski, junto com Fernando, nas mesmas águas da Praia de Armação, em Penha.

Dessa vez sem perder o relógio, é claro.

Não demorou 15 minutos após a postagem para que Fernando descobrisse que o aparelho havia sido encontrado.

Fonte: NSC total