Charqueadas | 22.08.2019 | 11h21 Polícia

Jovem invade escola e ataca alunos com machadinha no RS

Um jovem invadiu nesta quarta-feira, (21), o Instituto Estadual Educacional Assis Chateaubriand, em Charqueadas (RS), ateou fogo numa sala de aula e depois golpeou alunos com uma machadinha. Pelo menos seis adolescentes do sétimo ano do ensino fundamental ficaram feridos, mas não correm risco de vida. São quatro meninas, entre 12 e 15 anos, e dois meninos de 14 anos.

Segundo a polícia, o agressor foi desarmado por um professor de educação física e conseguiu fugir pulando o muro da escola. Ele foi preso no fim desta tarde e confessou o ataque aos policiais. Ele tem 17 anos e é ex-aluno da instituição.

“Ele entrou na escola com uma machadinha e um galão com um líquido inflamável. Muitas pessoas fugiram, pularam a janela para fora da escola. Os alunos foram feridos nas mãos, costas e pernas”, relatou o chefe de Socorro do Corpo de Bombeiros Voluntários da cidade, Maurício Naatz.

O governo do Rio Grande do Sul informou, em nota, que todos os envolvidos serão ouvidos pela Polícia Civil e passarão por exames de corpo de delito. “Embora as vítimas não tenham sido feridas com gravidade e estejam fora de perigo, o governo reforça extrema preocupação com o ocorrido e não medirá esforços para esclarecer os fatos e responsabilizar os culpados”, diz o texto.

O vice-governador do Rio Grande do Sul, Ranolfo Vieira Júnior, foi a Charqueadas acompanhar o caso – o governador, Eduardo Leite, está em viagem ao Uruguai.

A escola mantém cerca de 700 alunos e funciona de manhã, tarde e noite. As aulas acabaram sendo suspensas. O município de Charqueadas tem 35.000 habitantes e fica a 60 quilômetros de Porto Alegre.

Fonte: VEJA