Chapecó | 15.03.2017 | 19h33 Geral

Enfermeiras são 'enforcadas' e xingadas no Pronto-Socorro

Duas enfermeiras de 47 e 58 anos foram agredidas e xingadas de "vagabundas" por um homem de 50, no início da madrugada desta quarta-feira (15), enquanto prestavam serviço no Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC), na avenida General Valle.

Suspeito V.S, 50, foi detido por policiais militares do 1° BPM e conduzido para a Central de Flagrantes para esclarecimentos. Um boletim de ocorrências foi confeccionado como injúria e desacato. Crime ocorreu logo após a meia-noite.

Conforme o documento, as enfermeiras I.A.S.S, 47, e M.F.M.B, 58, relataram que foram pegas pelo colarinho do uniforme pelo acompanhante de paciente e jogadas ao chão, além de serem xingadas de "vagabundas".

Suspeito teria falado a seguinte frase: "vocês tem que trabalhar, suas vagabundas que não trabalham". Na sequência, homem ainda entrou no posto da enfermagem da unidade e quebrou diversos objetos.

O motivo da agressão não foi explicitado, mas o suspeito e as vítimas foram encaminhados para a delegacia, assim como uma idosa de 66 anos, que testemunhou o crime. Reportagem tentou contato com a assessoria do Pronto-Socorro, mas o telefone se encontrava desligado até a publicação.

Fonte: GAZETA DIGITAL