Pelotas | 07.11.2018 | 12h25 Esportes

De mão cheia! Brasil de Pelotas goleia e aproxima-se de permanência

Foi uma exibição de gala. Na noite desta terça (6), o Brasil proporcionou ao torcedor um verdadeiro espetáculo. Embalado pela grande vitória em Caxias na última rodada, e é claro, pela Maior e Mais Fiel, o rubro-negro goleou o Vila Nova por 5 a 0 e deu mais um passo importante para atingir o objetivo da permanência. Os gols foram marcados por Éder Sciola, Welinton Júnior duas vezes, Lourency e Michel.

O Xavante iniciou a partida disposto a finalmente emplacar a segunda vitória consecutiva na competição. Logo aos 6 minutos, Lourency recebeu ótimo passe de Diego Miranda e saiu cara a cara, mas parou no goleiro Rafael Santos. O arqueiro dos goianos voltou a trabalhar aos 26, em finalização do capitão Leandro Leite após rebote em cobrança de falta de Itaqui.

A superioridade rubro-negra em campo foi transformada em gol aos 41. O escanteio cobrado por Itaqui encontrou a cabeça do lateral-direito Éder Sciola, que subiu bem para inaugurar o marcador na Baixada.

A segunda etapa reservava aos rubro-negros os melhores quarenta e cinco minutos da temporada. Com equilíbrio na marcação e um ataque imparável, o Brasil foi construindo um gol atrás do outro. Em grande trama ofensiva, aos 10 minutos, Welinton Júnior recebeu ótimo passe de Wallace Pernambucano e, com muita categoria, tocou por cobertura na saída do goleiro, ampliando o placar.

Aproveitando o ótimo momento na partida, o Xavante chegou ao terceiro gol aos 17 minutos. E foi mais um golaço. Lourency fez bela jogada individual, deixou o marcador no chão e finalizou bonito de canhota, desta vez sem chances para o goleiro. Mas o rubro-negro queria mais. Em noite inspirada, Welinton Júnior, que ingressou ao campo ainda na primeira etapa após lesão de Rafael Gava, arriscou rasteiro de fora da área no canto para marcar o segundo gol dele na partida, e o quarto do Brasil.

Quando a partida se encaminhava para o final, mais uma vez brilhou a estrela de Welinton Júnior. O camisa 22 fez ótima jogada individual pela esquerda e cruzou rasteiro. A bola chegou para Michel, que também saiu do banco de reservas. Bem posicionado, o centroavante só teve o trabalho de empurrar a bola para o fundo das redes e dar números finais à partida: 5 a 0 Xavante.

Crescendo no momento do campeonato em que mais precisava, o Brasil ganhou uma posição na tabela, chegando à 14ª colocação com 43 pontos. Se matematicamente a manutenção na Série B ainda não está garantida, o torcedor Xavante tem motivos de sobra para estar com a confiança em alta. A equipe volta a campo já na próxima sexta (9), quando vai encarar o Boa Esporte, às 20h30, no Estádio Municipal de Varginha.

Ficha técnica:

Brasil: Marcelo Pitol, Éder Sciola, Leandro Camilo, Heverton, Alex Ruan, Leandro Leite, Itaqui, Rafael Gava (Welinton Júnior / Léo Bahia), Diego Miranda, Lourency e Wallace Pernambucano (Michel). Técnico Rogério Zimmermann.

Vila Nova: Rafael Santos, Maguinho, Wesley Matos, Diego Giaretta, Gastón Filgueira, Geovane, Heitor (Moacir), Mateus Anderson (Rafael Barros), Juninho (Léo Itaperuna), Alan Mineiro e Rafael Silva. Técnico Hemerson Maria.

Gols: Éder Sciola 41min1T, Welinton Júnior 10 e 29min2T, Lourency 17min2T e Michel 41min2T (B).

Cartão amarelo: Geovane (V).

Fonte: ASSESSORIA DE IMPRENSA