Lindóia do Sul | 14.08.2020 | 17h07 Bombeiros

Chuva de granizo causa prejuízos em diversas cidades do Oeste

A chuva de granizo foi intensa na tarde desta sexta-feira (14), em diversas regiões catarinenses. No interior de Lindóia do Sul, em linha Alegre, devido ao grande volume, as pedras de gelo se acumularam nas estradas de uma área de reflorestamento.

Em linha Azul também foram registrados prejuízos. De acordo com o agricultor, Gean Dalpuppo, um aviário na sua propriedade ficou destruído devido a chuva de granizo.

A chuva ocorreu por volta das 15h e durou aproximadamente 10 minutos. Gean disse ao jornalismo da Atual FM que foi algo “impressionante” já que a tempestade era muito forte e as pedras danificaram todo o telhado do aviário.

Estavam alojados no local pelo menos 2 mil pintinhos. Também foi registrado falta de energia elétrica devido ao temporal. O agricultor disse que várias propriedades tiveram danos.

ÁGUA DOCE
Um temporal acompanhado de vento forte provocou destruição na área central de Água Doce. De acordo com o relato de alguns moradores, a situação é complicada no Município que enfrenta falta de energia elétrica e problemas de comunicação.

A cidade foi afetada pelo temporal por volta das 15h. Casas foram completamente destelhadas com a força do vento e lojas ficaram danificadas após vidros estourarem com a força do temporal. As equipes de resgate estão trabalhando para auxiliar a comunidade.

Ainda não foram divulgadas informações sobre pessoas feridas.

ALTO URUGUAI
Chuva acompanhada de trovoadas e precipitação de granizo foi registrada também na região do Alto Uruguai Catarinense, por volta das 14h30.

Em vários pontos houve chuva forte, porém sem danos mais significativos.

Em Seara, nas comunidades de Linha Sagrado Coração e Caraíba, foi registrada chuva de granizo. Em Concórdia, foram em vários pontos do interior. Em São Luiz alguns moradores relataram a queda de granizo.

Em Piratuba e Alto Bela Vista houve a mesma condição de chuva.

De acordo com a Defesa Civil Estadual, a chuva poderá ser mais intensa na região até o sábado, dia 15.

CLIQUE AQUI E PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP

Fonte: ATUAL FM