Chapecó | 14.11.2019 | 12h20 Esportes

Chapecoense pode ser rebaixada na próxima rodada em caso de derrota

A Chapecoense está a um passo do inédito rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. A materialização do descenso pode ocorrer no próximo domingo, quando enfrenta o Ceará, às 18h (de Brasília), na Arena Condá. Um empate, no entanto, é suficiente para manter a chance - embora remota - de permanência.

O rebaixamento só pode acontecer no domingo em caso de derrota para o Ceará, que não poderia mais ser alcançado pela Chape. Depois, dependeria do resultado de Botafogo, Cruzeiro e Fluminense.

Cenários de rebaixamento

-Derrota + empate do Botafogo + vitória do Cruzeiro ou Fluminense

-Derrota + vitória do Cruzeiro + vitória do Fluminense

A matemática

Em caso de derrota, a Chape chegaria no máximo a 37 pontos. Se vencer o Avaí, o Cruzeiro chega a 38 pontos e não pode ser ultrapassado.

No caso do Botafogo, um empate contra o Athletico é suficiente - chega a 37 pontos. Mesmo que a Chape iguale a pontuação, não consegue fazer mais do que as 11 vitórias do Alvinegro. Número de vitórias é primeiro critério de desempate do Brasileirão.

Se o Fluminense vencer o Atlético-MG chega a 37 pontos, com 10 vitórias. A Chapecoense poderia igualar a pontuação, mas não o número de vitórias.

-Ceará chega a 39 pontos se vencer a Chape

-Cruzeiro chega a 38 pontos se vencer o Avaí

-Botafogo chega a 37 pontos se empatar com o Athletico (possui 11 vitórias)

-Fluminense chega a 37 pontos se vencer o Atlético-MG (chegaria a 10 vitórias)

-Chapecoense chega no máximo a 37 pontos se perder para o Ceará (chegaria no máximo a nove vitórias)

Empate é suficiente

Um empate mantém a Chapecoense com esperanças de permanência. Chegaria a 23 pontos, com possibilidade de alcançar 38. O Ceará, adversário de domingo, chegaria a 37 pontos e ficaria ao alcance do Verdão.

Fonte: GLOBO ESPORTE