Descanso | 29.09.2019 | 19h13 Esportes

Árbitro é agredido e hospitalizado após jogo amador em Descanso

A Liga Descansense de Desporto, através de sua diretoria e dos árbitros filiados, emitiu na tarde deste domingo (29) uma nota de repúdio após um árbitro sofrer agressão de um torcedor.

Conforme a nota, na noite de sábado (28), após o apito final da partida, um torcedor, que já foi identificado, invadiu a quadra e desferiu um soco no árbitro, atingindo o rosto do profissional, que acabou caindo, bateu a cabeça em uma parede e ficou desacordado por vários minutos.

O árbitro, segundo informações, foi prontamente amparado por colegas, atletas e dirigentes até a chegada do socorro. Logo após, ele foi encaminhado inicialmente ao Hospital de Descanso e posteriormente transferido para o Hospital Casa Vitta, em São Miguel do Oeste. O árbitro, segundo a nota, também foi encaminhado ao Hospital Regional, aonde passou por exames e ficou internado.

Leia o conteúdo da Nota, que é assinada pela Liga Descansense de Desporto:

NOTA DE REPÚDIO
A Liga Descansense de Desporto, através de toda sua Diretoria e Árbitros Filiados, vem tornar público seu REPÚDIO pelo lamentável acontecimento na noite de sábado 28/09/19, onde o árbitro e cidadão Sedi Trevisan foi agredido covardemente por um torcedor / atleta.
A atitude covarde, violenta e repugnante ocorreu após a partida entre as equipes Juventus Pratinha/Lanchonete Guanabara A X Juventus Pratinha/Lanchonete Guanabara C, categoria livre, pelas finais do JADES (Jogos Abertos de Descanso) na cidade de Descanso/SC.
Após o apito final, e a equipe de arbitragem já na mesa de anotações um torcedor, já identificado, que também jogou o campeonato, , adentrou a quadra e desferiu um soco no rosto do árbitro, covardemente sem dar chance de o mesmo se defender levando o mesmo a bater com a cabeça na parede e cair desacordado, ficando nesse estado por um longo período, tendo sido atendido por colegas de arbitragem, atletas e dirigentes até a chegada do socorro, sendo que o mesmo foi levado para o hospital de Descanso e posteriormente para o hospital Casa Vitta em São Miguel do Oeste e Hospital Regional, onde passou por exames e ficou internado em observação.
Solidarizamo-nos com o árbitro agredido e com todos que dispõe de seus tempos vagos, deixando de conviver com familiares e amigos para colaborar com o sucesso dos eventos e estão sujeitos a sofrerem agressões por parte de pessoas sem noção, covardes e sem caráter, que não sabem e não admitem perder e que devem ser banidos do esporte.
Buscaremos incansavelmente por uma punição severa a pessoas com Atitudes Covardes como essa pois não podem ficar impunes além de envergonhar o nosso esporte e município. Que seja feita justiça, tanto na área esportiva quanto na criminal, punindo o responsável de maneira exemplar.
Esclarecemos também que até o momento ninguém ligado a organização do JADES (Secretário, Prefeito, etc) buscou informações sobre o estado de saúde do árbitro agredido nem tampouco ofereceu qualquer tipo de amparo.
O árbitro é um ser humano e merece muito respeito por parte de todos, sem exceção.

#RespeitoéaRegra
Atenciosamente
Direitoria da Liga Descansense de Desporto

Fonte: WH Comunicações