Chapecó | 03.08.2020 | 08h02 Polícia

Após mais um golpe, homem e solto de depois de ser preso pela PM em Chapecó

A Polícia Militar foi acionada na tarde deste domingo (02), para atender uma ocorrência de fraude em estabelecimento comercial localizado no bairro Efapi. De acordo com informações, o homem foi detido por volta das 13h51, na Av. Atílio Fontana, depois de fugir de um restaurante sem pagar e tentar fazer a mesma coisa em um hotel.

Uma funcionária do hotel disse que o homem teria entrado na terça feira dia 28 de julho e neste domingo estava tentando sair sem pagar, além disso, teria almoçado no restaurante ao lado onde também não pagou pela refeição.

Os policiais fizeram contato com outros hotéis da cidade e constataram que o fato era recorrente e que o golpista, de 31 anos, havia feito a mesma coisa em outros estabelecimentos, que foram devidamente orientados fazer o registro na a delegacia.

Em contato com a polícia de Minas Gerais, de onde o homem é natural, foi constatado histórico de estelionato, mas nada em aberto. Na delegacia de Polícia Civil, foi lavrado um termo circunstanciado e liberado o indivíduo no local.

Com o homem os policiais localizaram vários cartões de outros hotéis, cartões que se devolve quando se paga a conta, comprovando o delito também em outros estabelecimentos.

OUTROS CRIMES
De acordo com a polícia, o homem trabalhava em uma empresa de móveis e eletro de Chapecó, onde ele se aproveitou da “inocência” de um cliente e pediu o dinheiro de uma lavadora/secadora depositado na própria conta dele. O cliente ficou sem o bem e sem o dinheiro.

O homem possuí registros de golpe em hotéis também de Xaxim e, além dos hotéis de Chapecó, motéis também foram vítimas.

O golpista também foi preso pela PM depois de um furto ocorrido no dia 16 de julho em um mercado. Ele teria levado bebidas alcoólicas de alto valor e já praticou o mesmo crime diversas vezes em outros estabelecimentos até ser pego. No dia desse furto chegou a ser feito o flagrante, mas acabou liberado no mesmo dia.

CLIQUE AQUI E PARTICIPE DO GRUPO DE NOTÍCIAS NO WHATSAPP

Fonte: Portal Aconteceu, com informações Polícia Militar