Rio Negrinho | 16.09.2019 | 22h37 Polícia

Adolescente é agredido por vizinhos após suspeita de ter batido na companheira

Um adolescente de 17 anos foi agredido por vizinhos em Rio Negrinho, no Norte catarinense. Segundo as primeiras informações da Polícia Militar, ele bateu na companheira na noite de sábado (14). Moradores que souberam do ocorrido agrediram o jovem na noite de domingo (15).

A PM recebeu uma ligação que relatava uma briga generalizada em uma rua do bairro Vista Alegre. Mais de 10 homens estariam envolvidos.

Ao chegar ao local, a PM viu que a briga havia acabado. Vizinhos indicaram a casa do casal e lá os policiais encontraram os dois. A PM e a Polícia Civil não souberam informar a idade da companheira.

Ela foi agredida por ciúmes, segundo as primeiras informações da PM. Ela disse aos policiais que desmaiou e só acordou no domingo. Nesse dia, ela comentou o ocorrido para os vizinhos.

Quando o adolescente voltou a casa no domingo, foi agredido por moradores. Ele teve ferimentos no rosto. Após a agressão, ele entrou em casa e, nervoso, começou a quebrar utensílios domésticos. A companheira tentou impedi-lo e foi novamente agredida.

O casal foi levado para o hospital. Após o atendimento, a PM levou o adolescente para a delegacia por violência doméstica. Ele foi liberado por não haver situação de flagrante. Além disso, como ele é menor de idade, não ficaria preso por essa infração, explicou o delegado Rubens Passos de Freitas.

Em relação à companheira do adolescente, o delegado informou que ela será intimada para ser ouvida na delegacia. Ela não havia registrado boletim de ocorrência sobre as agressões até a tarde desta segunda.

Fonte: G1 Santa Catarina